Domingo, 6 de Maio de 2007

Grande negócio

Certo dia, os meus pais tiveram a ideia de mudar de casa. Então, decidiram procurar um bom negócio, mas não surgia nada ao nosso agrado.

Já fartos de procurar, deparámo-nos com uma casa linda, com um quintal enorme, que estava à venda. Marcámos um encontro com o proprietário e uma semana depois os meus pais estavam com um senhor idoso, com barba branca, a conversar sobre este negócio. O preço era fantástico.

O meu pai, desconfiado, perguntou a razão do valor da propriedade ser tão baixo. O proprietário explicou que queria garantir que o terreno ficava em boas mãos. Nós não compreendemos e perguntámos como é que ele sabia que éramos as pessoas indicadas… Ele, com uma grande gargalhada, disse que era avô do meu pai ou seja meu bisavô

Os meus pais decidiram fechar negócio e rapidamente mudámo-nos para a casa que em tempos pertencera a um meu familiar.  

 

Fábio

publicado por Clube às 17:30
link do post | comentar | favorito
|

.pesquisar

 

.Dezembro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Poemas de Dezembro

. Poema da Angela Marques

. Poema da Ana Matos

. Poema da Margarida Turiel

. Poema da Sara Gonçalves

. Poema da Andreia Gonçalve...

. Poema do Flávio Pereira

. Poema da Joana Martinho

. Poema da Carolina Guedes

. Poemas de Novembro

.arquivos

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

.Links